top of page
Rechercher
  • Rita

Setembro 2022...


A vida pulsa nos ritmos que encontramos nas revoluções do dia e da noite, na mudança das estações e no bater do nosso próprio coração.

Kahlil Gibran


Queridos alunos e amigos ✨,

Já entrámos no mês de Setembro e as aulas de Ashtanga Yoga no Padma Yoga Shala🌿 retomam na próxima segunda-feira, dia 5 de Setembro. Este mês, tendo em conta que as luas terão lugar a um sábado e um domingo, o Shala🌿 estará aberto todos os dias, nos horários habituais.



 

Setembro é muitas vezes um mês de recomeços e espero sinceramente que cada um de vós tenha podido usufruir do tempo disponível de férias (para quem esteve de férias, obviamente!), para se deixar conduzir, de forma plena e consciente, pela vontade sincera e os desejos mais profundos da sua Alma e Coração!


Não há necessidade de viajar para qualquer lugar. Viaje dentro de si, entre numa mina de rubis e banhe-se com o esplendor da sua própria Luz. Rumi



 

Para mim, o mês de Agosto representou um mês de retiro da vida mundana, de introspecção, de questionamento, de reflexão, de meditação. Uma oportunidade para olhar para trás e libertar o passado, compreender, limpar e organizar o presente, mas também criar estratégias para o futuro e começar a manifestar o “meu eu e a minha vida de amanhã”, em perfeita simplicidade e sintonia com o Universo. Inicialmente em planos mais subtis, de acordo com a minha Intenção, o meu Consentimento e a minha Autoridade assentes em Deus/Fonte Divina e no meu alinhamento às Leis Universais, à Lei do Dharma, à Lei do Karma, aos Yama/Niyama(para quem gosta de ler e quer aprofundar estes conceitos energéticos, basta seguir os links, que foram actualizados durante o mês de Agosto).

 


Agir de acordo com a Ordem Cósmica, segundo a Vontade Divina e dentro do Tempo Divino, seguindo o caminho do Yoga e colocando em prática TODOS os seus membros, independentemente das dificuldades que possam surgir pelo caminho. Avançar com o Coração protegido pelo Amor e pela Compaixão, mas plenamente consciente da necessidade de disciplina, de concentração e de prática necessárias, para avançar de forma estável e segura, dentro desta sociedade com a qual não me identifico e que se desenvolve cada vez mais em oposição aos Valores do Yoga, nos quais assento as fundações dos meus pensamentos, palavras e acções e que coloco a intenção de encarnar dia após dia, mais uma vez, independentemente das dificuldades que possam surgir pelo caminho…


Deixem-me ser um homem livre, livre para viajar, livre para trabalhar, livre para negociar onde eu escolher, livre para escolher os meus próprios professores, livre para seguir a religião dos meus pais, livre para pensar e falar e agir por mim próprio.”

Chefe Joseph (1840-1904) Líder nativo americano de Nez Perce Wallowa Homeland


 


Neste mês de Setembro que nos traz o final do Verão ☀️ e o início do Outono 🍂, regresso ao Padma Yoga Shala🌿 para as nossas aulas de Ashtanga Yoga, com estas intenções bem claras e definidas, depois de um mês de intensos, constantes e profundos questionamentos. Esta é a minha forma de não me deixar “distrair”, de não me deixar “desviar” do Caminho Orgânico da minha Vida e de Quem Sou Eu, nesta mudança de estações, nesta mudança de ciclo (anual, mas também cósmico), nesta época de distracções externas. Estou plenamente consciente de que a minha Força e Energia Vital se dirigem inevitavelmente para onde se encontra a minha intenção, o meu consentimento e esta é a minha forma de continuar a “escutar o Coração” dia após dia e desenvolver, assim, todas as ferramentas necessárias para continuar a realizar o meu svadharma


 


 

Nada disto é fácil e, por vezes, parece que o esforço necessário para manter o alinhamento aos princípios do Yoga e às Leis Universais vai além das nossas capacidades humanas, sobretudo quando observamos a insanidade do mundo que nos rodeia, completamente invertido e em total oposição a estas Leis e Valores mais elevados… Pergunto-me muitas vezes quantos seres humanos continuariam a consentir e pactuar com as estruturas do mundo em que vivemos, se conseguissem sentir que têm escolha, se conseguissem realizar que são Divinos, Soberanos, Livres? Na realidade, quanto mais nos aproximamos de Quem realmente Somos, mais percebemos que essa é a nossa Verdadeira Essência e, a partir desse instante, já nada nos pode fazer voltar para trás! Assim, continuamos a avançar, ao nosso ritmo, segundo as nossas capacidades e mesmo se, por vezes, perdemos o “fio à meada”, com Humildade, Determinação e , continuamos a caminhar e a colocar a intenção de regressar a este caminho de Auto-conhecimento que escolhemos para nós, seja nesta encarnação, seja nas próximas… Para que possamos finalmente extrair-nos de todas as ilusões deste mundo e alcançar a Libertação da nossa Consciência, pela remoção definitiva de toda a ignorância (avidyā अविद्या) e do sofrimento (duḥkha दुःख)…



 

Estas são as minha Intenções, esta é a Luz que me guia, esta é a Verdade que me anima AQUI e AGORA.


A verdadeira luz é aquela que emana de dentro de uma pessoa. Revela os segredos do coração à alma, deixando-a feliz e contente com a vida. A verdade é como as estrelas. Só aparece por trás da obscuridade da noite. A verdade é como todas as coisas belas do mundo. Só revela os seus atractivos a quem primeiro sentiu a influência da falsidade. A verdade é uma profunda bondade que nos ensina o contentamento na vida quotidiana e a partilhar com os outros a mesma felicidade.”

Khalil Gibran


 

E vocês, quais foram as vossas reflexões de Verão ☀️? E quais são as vossas intenções para o Outono 🍂 que se aproxima? Qual é a Luz ✨ que ilumina o vosso caminho e qual é a Verdade 🔥 pela qual a vossa Alma e o vosso Coração anseiam?


Kuan Yin


 

Deixo-vos a minha mais profunda e sincera GRATIDÃO pela vossa leitura e atenção e peço-vos que, como de costume, acolham apenas o que ressoa convosco e coloquem de parte tudo o resto!! Com todo o meu amor e carinho, desejo-vos coragem, bons questionamentos e boas práticas

Dentro e fora do tapete! Para que um dia, possamos ver no mundo, a mudança que ocorre em nós através do Yoga!

Namaste 🙏💙✨ Rita

 

ॐ लोकाः समस्ताः सुखिनो भवन्तु

ॐ शान्तिः शान्तिः शान्तिः॥

Om lokā samastā sukhino bhavantu

Om śāntiḥ śāntiḥ śāntiḥ

Om

Que todos os seres, em todos os lugares, sejam felizes.

Que haja Paz, Paz, Paz.

bottom of page